Título de especialista em meio a COVID-19: como fica?

Folder

Desde antes da pandemia, as sociedades médicas já costumavam fornecer conteúdo virtual aos associados, porém, geralmente com a opção presencial. No entanto, esse modelo não se aplicava a outras funções e sistemas, como o Exame de Título de Especialista. Com o novo coronavírus, muitas entidades precisaram se reinventar para continuar a qualificar os novos profissionais, apesar do isolamento social.

Recomendações da AMB para os exames

A Associação Médica Brasileira (AMB) suspendeu em março de forma temporária (90 dias) a realização de provas para obtenção do título de especialista, exames que são promovidos pela entidade em parceria com as Sociedades de Especialidades.

Em 17 de junho, a AMB revogou a decisão. No documento, a entidade destaca que as Sociedades devem “adotar ações preventivas para evitar a disseminação da Covid-19, bem como seguir as recomendações das autoridades locais, a fim de criar ambientes seguros de aplicação de provas”.

Além disso, a AMB recomenda que a primeira fase do exame seja realizada por meio eletrônico. Para as fases subsequentes, que envolvam avaliação teórico-prática ou prática, o órgão sugere que sejam realizadas em capitais ou em regiões metropolitanas com baixo índice de contaminação, onde já tenha havido flexibilização do isolamento social, mas respeitando as medidas de distanciamento.

Sociedades médicas

As sociedades de especialidades estão se organizando para cumprir a decisão. Algumas delas vêm planejando um novo formato, mas muitas ainda não sabem como será realizada a prova.

É o caso da Sociedade Brasileira de Angiologia e Cirurgia Vascular (SBACV), que ainda não possui informações sobre a data, o horário e o formato em que serão realizados os exames, em nenhuma de suas fases. Já a Associação Brasileira de Otorrinolaringologia e Cirurgia Cérvico-Facial (ABORL-CCF) resolveu adiar a prova, que seria realizada em 5 de abril. “O Exame foi reagendado para o dia 19/11/2020. A princípio, o formato permanece o mesmo”, declarou a assessoria da entidade, referindo-se ao teste de forma presencial.

Ambos órgãos afirmaram que quaisquer mudanças ou informações futuras serão divulgadas nas redes sociais e no site.

 

 

Compartilhe