Covid-19: estratégias para os desafios atuais

AHERJ realiza webinar sobre novos desafios gerados pela pandemia de Covid-19 e reúne especialistas para discutir as mudanças e os cuidados necessários diante desse cenário

Folder

A pandemia de Covid-19 impactou o sistema de saúde brasileiro de maneira brusca. Desde já, os gestores de serviços médicos devem estar preparados para lidar com uma nova realidade de trabalho. Contudo, com o intuito de apresentar estratégias para o gerenciamento dos recursos tecnológicos e humanos, a Associação de Hospitais do Estado do Rio de Janeiro (Aherj) realizou, recentemente, um webinar sobre o tema “Gestão hospitalar e os novos desafios”.

Desafios da Covid-19 na gestão de serviços médicos

Primeiramente, entre os assuntos abordados, estiveram:

  • novas práticas em saúde na pandemia;
  • gestão de leitos e custos;
  • medidas de segurança;
  • telemedicina e capacitação de equipes.

Além disso, especialistas abordaram o aumento da utilização de tecnologias, as regras de ouro para o selo de conformidade e outras estratégias para o preparo de hospitais, clínicas e demais instituições de saúde.

Consequências da Covid-19

Em primeiro lugar, Graccho Alvim, médico e diretor de atividades culturais da Aherj destacou algumas consequências que a pandemia gerou para a sociedade de forma geral. Por exemplo, entre elas, estavam a explosão de doenças não tratadas por falta de diagnóstico, os casos de burnout e a desordem pós-traumática em médicos. Apesar disso, o especialista disse haver solução. “O segredo é nunca desistir. Nós temos muito trabalho pela frente”, assegurou.

Josier Vilar, médico, gestor em Sáude e PGD em Governança Corporativa pelo Ibmec, abordou os desafios do gerenciamento de recursos, tecnologias e pessoas. E parabenizou o Sistema Único de Saúde (SUS) pelo serviço prestado nesse período. Por fim, Vilar acredita que o futuro dos serviços de saúde estará condicionado à eficiência em gestão. “Ele dependerá da capacidade de percepção que os gestores terão da crise que vivemos hoje”, destacou.

Já Marcelo Boeger, vice-presidente da Associação Mundial de Turismo de Saúde e Bem-Estar (AMTSBE), falou sobre a gestão de hotelaria nos serviços de saúde frente ao Covid-19. E Marcelo Accetta, consultor sênior de custos com foco na Saúde, abordou os desafios relacionados aos custos hospitalares e levantou questões sobre saúde pública e suplementar, como a perda de planos de saúde pelos pacientes que perderam seus empregos.

Por último, para abordar as regras de ouro propostas pela Secretaria Municipal de Saúde do Rio de Janeiro, Simone Braga, gerente técnica do setor de Saúde da Coordenação de Vigilância Sanitária em Saúde reforçou ainda mais a importância das medidas preventivas nesse período e apresentaram orientações e boletins informativos de órgãos governamentais.

O evento durou aproximadamente duas horas e contou com um momento destinado ao esclarecimento de dúvidas e perguntas sobre os temas abordados. Para acompanhar o evento online, clique aqui.

Compartilhe